O Espaço e o tempo dos museus

Em “Memórias de Adriano” Marguerite Yourcenar escreveu: -“Ter sempre presente que aquilo que eu conto aqui, é determinado pelo aquilo que não conto”. Esta dupla face do que é relvado é simultaneamente o seu negativo é um dos paradoxos dos museus. De todos os museus ao longo dos tempos. Museu que contam histórias, que recolhamContinuar lendo “O Espaço e o tempo dos museus”